30.5.17

Uma Imagem, Mil Palavras

Toda a gente sabe ou diz que uma Imagem vale por mil Palavras ... é uma verdade! Quando andamos por países com uma língua diferente das que em Portugal, são ensinadas nas Escolas, por vezes e essas vezes, acontecem em situações de aflição, temos dificuldade em saber o que uma palavra escrita diz. O mesmo se passa para quem a língua portuguesa é desconhecida e tem alguma necessidade ... Foi essa a experiência que tive, faz uns anos em breve (já não sei quantos ...), quando vi uns estrangeiros, salvo erro, Irlandeses, no Pavilhão Dr. Salvador Machado, onde decorreu um torneio de apuramento para o Europeu de Basquetebol, Sub-16, aflitos para identificar qual seria a casa de banho dos Homens e das Mulheres, pois só isso estava escrito nas respetivas placas identificadoras ... Se alguém tivesse tido a ideia de usar estas ...














As imagens que ilustram esta entrada chegaram até mim, através de um e-mail enviado pelo Amigo Luís Pedro.

29.5.17

Em Oliveira de Azeméis, há ...

No passado sábado, durante o Seminário Um Brincar, Muitos Brincares, durante a intervenção da representante do Instituto de Apoio à Criança, Marta Rosa, foi dito que em Portugal, as crianças com deficiência física e que andam em cadeira de rodas, não podem usufruir dos parques por falta de equipamentos adequados, como por exemplo baloiços

Alguns de nós dissemos-lhe que em Oliveira de Azeméis havia um desses equipamentos. Logo ali surgiu um grande elogio pelo vanguardismo do equipamento ... pelos vistos, só estão
referenciadas duas cidades com este tipo de equipamento, Leiria e Oliveira de Azeméis. Pode e deve haver mais, mas não se conhecem ...

Um outro elogio, deixado pela representante do Instituto foi ao Centro Lúdico de Oliveira de Azeméis, equipamento pioneiro em Portugal, construído de raiz, para fazer dos Brincares, atividades com sentido e cuja ideia se deve à Amiga Ângela Azevedo, que foi a  alma mater deste equipamento e que hoje coordena a equipa que faz aí o seu dia a dia ...


28.5.17

No Dia Mundial do Bricar, as brincadeiras do Samuel ...










A tarde de hje foi uma tarde de Samuel ... veio depois de almoço e por cá ficou, para passar a noite, pois amanhã a Madrinha é que o vai levar ao Jardim de Infância.

Com ele trouxe a bicicleta. Primeiro cá em casa, no pátio, depois, no Parque de La-Salette, onde está a decorrer a Semana da Criança, uma organização habitual nesta época do ano, e que foi aproveitada para várias coisas ... andar de bicicleta pelos caminhos do Parque, utilizar o Parque Infantil e aproveitar os insufláveis e o carrossel que lá está instalado. Como a tarde foi intensa, nada melhor que uma banhoca ... assim, a noite vai ser melhor dormida ...

Plataforma Digital dos Concelhos de Portugal


l
A Universidade Nova de Lisboa, através do Centro de Investigação para as Tecnologias Interativas [CITI] da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais lançou uma coleção de Livros Digitais Multimédia, especialmente destinados aos alunos do Primeiro Ciclo. Neste momento há Livros sobre oito concelhos de sete distritos diferentes.

Porque hoje é o Dia Mundial do Brincar ....

Fonte da imagem - http://www.oatibaiense.com.br/News/20/14382/comemoracao-ao-dia-mundial-do-brincar-tera-diversas-atividades/

Ainda sem ser uma data oficial, pois ontem durante o Seminário Um Brincar, Muitos Brincares, a Marta Rosa, em representação do Instituto de Apoio à Criança, disse que que a tarefa de tentar oficializar a data, junto das Nações Unidas, foi cometida a Portugal, hoje, dia 28 de maio, celebra-se o Dia Mundial do Brincar.

Do sítio do Instituto de Apoio à Criança, retirei a seguinte informação:

"O World Play Day (Dia Internacional do Brincar) foi criado na 8ª Conferência Internacional de Ludotecas em Tóquio, no ano de 1999, por iniciativa da então presidente da International Toy Library Association (ITLA) – Freda Kim. Em 2001, numa reunião do Board da ITLA em Florença, definiu-se a data - 28 de Maio: o “World Play Day” coincide assim com o dia de aniversário da ITLA.
O Dia Internacional do Brincar celebra o artigo 31º da Convenção sobre os Direitos da Criança das Nações Unidas, reforçando que Brincar é um direito. Relembra que o Brincar é uma fonte inesgotável de alegria, uma atividade fundamental para o desenvolvimento do ser humano, essencial para a saúde física e mental."
Por isso, o melhor que temos a fazer, no dia de hoje (e nos outros dias ...) é BRINCAR!

27.5.17

Menos de 24 Horas ...

Menos de 24 Horas entre os três eventos que aqui apresento, com uma noite (pequena e dormida a correr, pelo meio) ...

Ontem à noite, na Adega da Casa Museu Ferreira de Castro, o início dos V Encontros Ferreira de Castro. Em jeito de tertúlia, partilha de leituras de textos de Ferreira de Castro ... Um espaço muito bem composto ...


Hoje, de manhã e à tarde, no Auditório Ivone Ferreira da Escola Básica e Secundária Ferreira de Castro decorreu o Seminário Um Brincar, Muitos Brincares, organizado pelo Centro Lúdico de Oliveira de Azeméis com o apoio do Centro de Formação que lidero ...foi uma jornada muito interessante, com diversas e variadas intervenções sobre o Brincar, independentemente da idade ...

Entre a sessão da manhã e o final da sessão da tarde, tive de passar pela Biblioteca Municipal Ferreira de Castro, pois hoje aconteceu o final da Exposição, em que o Centro de Formação, esteve comprometido, O UNIVERSO ENCANTADO DOS LIVROS POP-UP. Para além da desmontagem da exposição e antes que isso acontecesse, houve uma mesa redonda, onde estivemos a Marta Mota, Bibliotecária Municipal, o José Alberto Rodrigues, Colecionador e Proprietário da maior parte dos livros expostos, a Sofia Costa, Autora de um dos livros, realizados como trabalho final de Mestrado e eu, José Rosa, em representação do Centro de Formação. O público, não foi muito numeroso, mas foi muito afetuoso ...

25.5.17

A Minha Escola

Na Biblioteca Muncipal de Vale de Cambra, decorreu esta tarde o Encontro Intergeracional, que reuniu Idosos de várias instituições do Concelho e de Carregosa, Oliveira de Azeméis, Alunos do 6.º C da Escola Básica e Secundária do Búzio entre outros participantes.

O motivo foi falar d' "A Minha Escola" ... muitas recordações na voz das e dos idosos e alguma representação por parte doa alunos. Também houve oportunidade a jogos e brincadeiras, como a recriação do "lencinho cai cai"entre outras brincadeiras de antigamente. Quase a finalizar a sessão, a  Cristina Filipe, Professora Bibliotecária, leu um excerto d'A Criação do Mundo, de Miguel Torga. Mesmo no fim, um momento de humro com a "Menina Tonecas".

















Regredimos no tempo cinquenta, sessenta ou até setenta anos, fomos aos baús da memória buscar recordações felizes ou nem tanto, dum tempo em que a Escola Primária, não era, infelizmente, para todos ...