30.4.16

Reviver a tradição das Maias

É uma tradição oliveirense. Lembro-me desde pequeno. Neste dia 30 de abril, normalmente ao final da tarde, início da noite, nas casas eram (são ) colocadas as Giestas-amarelas (Cytisus striatus) conhecidas também como Maias, essas plantas silvestres de folhas amarelas. Segundo diz a tradição é para afastar a fome ... 

Hoje, o Rancho Folclórico de Cidacos, está no Largo da República, aqui na cidade de Oliveira de Azeméis, a reviver a tradição ...





Alguns aspetos do que se está a passar, desde as 10 horas da manhã, no Largo da Repúbica. Para cerca das 16 horas está prevista uma pequena atuação do grupo organizador.

Maravilhas Artísticas de Ferreira de Castro

Maravilhas Artísticas de Ferreira de Castro foi o tema da conversa que aconteceu ontem à noite, num dos espaços da Casa Museu Regional de Oliveira de Azeméis. A apresentação esteve a cargo do Colega e Amigo Mário Luís Melo Ferreira e serviu de encerramento à exposição patente na sala de exposições temporárias desde o passado dia 8 de janeiro, "Maravilhas Artísticas de Ferreira de Castro" que foi a primeira atividade desenvolvida no Concelho de Oliveira de Azeméis para celebrar os 100 Anos de Vida Literária de Fereira de Castro.


No corredor de acesso ao espaço onde decorreu a Palestra, dois quadros e um bronze retratando o escritor


Um espaço multifuncional ....

Os dois volumes da obra "Maravilhas Artísticas do Mundo" que serviram de suporte à exposição, acompanhadas por alguns dos documentos que o escritor consultou para a sua elaboração

Mário Luís Melo Ferreira, o Palestrante (de costas), Samuel Oliveira, presidente da direção da Casa-Museu e Carlso Castro, presidente da direção do Centro de Estudos

Durante a conversa

Aspeto dos participantes

Pois é ...



Para refletir ...

29.4.16

As Maravilhas Artísticas de Ferreira de Castro

Chega hoje ao fim a exposição "As Maravilhas Artísticas de Ferreira de Castro" que a Casa Museu Regional de Oliveira de Azeméis promoveu, para celebrar os 100 Anos de Vida Literária de Ferreira de Castro.

Chega ao fim e chega de uma boa forma. Mais logo, quando já for noite, às 21:30, o Amigo e Colega Mário Luís Melo Ferreira, vai falar sobre a obra que deu origem à exposição, as "Maravilhas Artísticas do Mundo".

Eu quero lá estar ...

No passado domingo ...

24.4.16

Está a chegar ...

A cidade de Oliveira de Azeméis vai ser o palco da próxima edição do Concurso Nacional de Leitura, Fase Distrital. É já na próxima quarta-feira, dia 27 de abril, que todos os jovens leitores, representantes dos 19 concelhos do distrito de Aveiro, vão prestar provas no Pavilhão Professor António Costeira.

Vai ser um dia dedicado à Leitura e eu vou estar lá ...Para mais informações, podemos sempre consultar o sítio do Concurso ...

PROGRAMA
10h00 – Receção/Secretariado no Pavilhão Municipal Professor António Costeira
10h30 – Visita de estudo destinada aos/às acompanhantes 
10h40 – Início da Etapa 1 da Fase Distrital de Aveiro da 10ª edição do CNL 2015/2016 - Prova Escrita 3ª Ciclo | Ensino Secundário
11h30 – Espetáculo “Camões é um Poeta Rap” destinado aos/às concorrentes
12h15  -  Concentração  dos/as  concorrentes  e  acompanhantes  no  Pavilhão  Municipal  Professor  António Costeira
12h30 – Almoço

14h00  –  Concentração  dos/as  concorrentes  e  acompanhantes  no  Pavilhão  Municipal  Professor  António Costeira
14h15 – Início da Etapa 2 da Fase Distrital de Aveiro da 10ª edição do CNL 2015/2016 - Boas vindas
- Apresentação do Júri da Prova Oral
14h45 – Anúncio dos/as cinco finalistas do Ensino Secundário e realização da Prova Oral
15h15 – Momento de animação
15h30 - Anúncio dos/as cinco finalistas do 3º Ciclo e realização da Prova Oral
16h00 – Momento de animação
16h30 – Anúncio dos/as vencedores/as e Entrega dos prémios
17h00 – Lanche e Encerramento da Fase Distrital de Aveiro do 10º CNL 2015/2016 

23.4.16

Não fui, mas tenho pena ...

Por motivos alheios à minha vontade, não fui, mas fiquei com muita pena ...

Possivelmente ... Ferreira de Castro

Um Café Concerto em torno da Vida e Obra de Ferreira de Castro foi o que pudemos assistir, ontem à noite, na Sala Polivante da Biblioteca Municipal de Vale de Cambra, numa organização do Agrupamento de Escolas de Búzio, através das suas Bibliotecas Escolares e com o apoio da Biblioteca Municipal Valecambrense.

Foi um tempo de aproximação à Vida e Obra do Escritor, através de Leituras e Testemunhos. Lemos excertos de obras de ficção e textos informativos deixados pelo escritor, ouvimos música e escutámos, na primeira pessoa, o testemunho da D. Eva, proprietária da Pensão Suissa, em Maciera de Cambra, onde Ferreira de Castro se instalava quando vinha para a região.

No final da noite, a Câmara Municipal de Vale de Cambra, através da Vereadora Daniela Silva, fez a entrega dos prémios do Concurso de Cartas "Todas as Cartas de Amor São Ridículas".

Foi uma noite para mais tarde recordar ...

O alinhamento do Café- Concerto ... Textos e informações adicionais

A decoração da Sala Polivalente, com a obra castriana em destaque

Aspeto geral do espaço

Um pormenor das Mesas ...

Na fotografia, a Adjunta do Diretor do AE Búzio, Isabel Pires, a Professora Bibliotecária do AE de Fajões, Fernanda Gonçalves e o Presidente da Direção do Centro de Estudos, Carlos Castro

Andreia Costa, aluna finalista do Curso Profissional de Técnico de Turismo Ambiental e Rural, uma da sprotagonistas da noite. A atividade faz parte da sua Prova de Aptidão Profissional #Potencialidades Turísticas das Montanhas Mágicas#

Cristina Filipe, Alma Mater deste evento. Obrigado, Amiga!

As duas protagonistas da noite ...

Um desfolhar de memórias. A Dona Eva, da Pensão Suissa e o Carlos Castro, o grande estudioso local, da Vida e Obra do autor

Um dos vários momentos musicais ... Ouvimos troptetes, flautas transversais, oboé (todos da Banda de Música de Carregosa), piano, guitarra e harmónica ...

A vencedora do Concurso de Cartas de Amor, promovido pela autarquia valecambrense a ler a sua carta ...

... que tem em exposição todas as cartas concorrentes.





22.4.16

Em tempo de centenário ...

Hoje, 22 de abril, os 100 Anos de Vida Literária de Ferreira de Castro vão ser celebrados em pelo menos três municípios muito ligados à Vida e Obra do Escritor natural de Ossela ...

18:00 horas

No Museu das Artes de Sintra, MU.SA, uma conferência por Ricardo António Alves a propósito de algumas das obras da fase inicial do escritor, nomeadmente o "Criminoso por Ambição" que á a obra que marca o início da Vida Literária do escritor.

18:30 horas

Integrada num Encontro Lionístico, pelas 18:30, no Cine-Teatro Caracas, em Oliveira de Azeméis, uma conferência proferida por Paulo Samuel, com encenação de Ferando Soares, a propósito de "Ferreira de Castro. A criação literária como paradigma existêncial"

21:30 horas

Às 21:30, na Biblioteca Municipal de Vale de Cambra, um Café Concerto, intitulado "Possivelmente ... Ferreira de Castro". É uma atividade dinamizada por Alunos (é uma Prova de Aptidão Profissional) e Professores do Agrupamento de Escolas de Búzio e pela Biblioteca Municipal.

20.4.16

Arquivo Municipal, Casa das Memórias ...

Ao princípio da tarde de hoje, por motivos profissionais, fiz uma rápida visita ao Arquivo Municipal de Oliveira de Azeméis. Uma autêntica Cada das Memórias oliveirenses ... 

Quando cheguei, estava também a chegar o mini-autocarro da Câmara Muncipal, com crianças de um Jardim de Infância, que íam participar em atividades do Arquivo ...

... que está instalado num magnífico edifício, que já foi muita coisa, ao longo da sua história ...

Neste momento é possivel ver os trabalhos que concorrentes ao Concurso de Fotografia Fernando Paúl, um fotógrafo que marcou a sociedade oliveirense e cujo espólio, segundo li hoje no Correio de Azeméis, foi doado, à Câmara Municipal ...

... mas também é possível ler, nas paredes, os nomes de todos os Presidentes da Câmara, desde a fundação do Concelho em 1799, até ao Sr. Ápio Assunção

Quando saí, apeteceu-me fotografar de um ângulo diferente ...

18.4.16

Duzentas mil visualizações

Um número interessante de visualizações ...

A distopia em Emigrantes de Ferreira de Castro

A distopia em Emigrantes de Ferreira de Castro foi o título da conferência proferida pelo Professor Pedro Calheiros, na tarde de hoje, 18 de abril na Biblioteca Municipal de Vale de Cambra.

Foi mais uma atividade, promovida pelo Município de Vale de Cambra e pelo Agrupamento de Escolas de Búzio, no âmbito dos 100 Anos de Vida Literária de Ferreira de Castro, cujas celebrações estão a decorrer um pouco por todo o país.

Na conferência, o Professor Pedro Calheiros, deu algum ênfase, ao texto de Emigrantes e à sua ligação ao Concelho.

O cartaz com os eventos de hoje e da próxima sexta-feira

Um lugar onde apetece ir ... vou muitas vezes!

A recriação do escritório de Ferreira de Castro. A exposição já esteve na Bibliotecas Escolar da Escola Básica e Secundária de Búzio, agora está no átrio da Biblioteca Municipal de Vale de Cambra

Uma das várias vitrines com as obras do escritor. Gosto muito destas edições ....

O conferencista, Professor Doutor Pedro Calheiros, um dos mais conceituados especialistas em Ferreira de Castro

Sempre presente a Professora e Bibliotecária do Agrupamento de Escolas de Búzio, durante a leitura d eum excerto da obra "Emigrantes"

No final, a Vereadora da Cultura, Daniela Silva, ofereceu algumas lembranças ao palestrante

17.4.16

Foi um privilégio ...

Durante a Visita de Estudo a Chaves, que ontem tive o prazer da acompanhar, o momento alto foi a visita às Termas Romanas, que estão em processo de recuperação para abrir às visitas do público.

Visto no mesmo espaço, em Oliveira de Azeméis ...


Hoje à tarde, na Praceta União Desportiva Oliveirense, aqui na cidade de Oliveira de Azeméis, cruzaram-se duas equipas da capital. Às quinze, jogaram Oliveirense e Sporting, para o Campeonato Nacional de Hóquei em Patins da Primeira Divisão. Empate a duas bolas ... Às dezassete, começaram jogar Oliveirense e Benfica, para a Liga Profissional de Basquetebol. Oliveira de Azeméis e a sua Oliveirense no topo do desporto!

Por terras de Aquae Flaviae

Ontem, o dia foi destinado a Chaves, no âmbito do Curso de Formação Roteiros de exploração pedagógica do património edificado – Chaves e Lamego. Apesar de um dia bastante chuvoso, foi um dia interessantíssimo, com um guia excecional e uma companhia muito agradável ....


 


























Uma visita, algumas imagens ...