29.3.15

Arouca, Workshop, Geoparque

Na passada sexta-feira, dia 27 de março, participei ao longo do dia no Workshop e na Visita de Estudo inserida no projeto internacional sobre Geoeducação, que envolve quatro geoparques europeus, Arouca, por Portugal, Lesvos, Floresta Petrificada, pela Grécia, Parque de Beigua, pela Itália e Peninos do Norte, pela Inglaterra (Reino Unido).

Na Loja Interativa de Turismo de Arouca, local onde decorreu o workshop, a tentar apanhar a rede wi-fi, que me permitiu informar em direto, na Facebook do CFAE AVCOA, o decorrer dos trabalhos ...
A Daniela Rocha, a grande responsável por eu ter participado ... Técnica Superior do Geoparque, foi a formadora responsável pela ação que o AVCOA apoiou.

A Biblioteca Municipal de Arouca, numa das vistas exteriores ... belíssimo edifício ...

Uma outra vista do mesmo espaço ... lindo!

A entrada do Polo Escolar do Burgo, uma das excelentes instalações escolares que Arouca possui ...

Como Escola Geoparqueana, as salas de aula e  não só, possuem nomes de Geossítios do Arouca Geoparque. No caso a Sala das Pedras Parideiras ...

A Biblioteca Escolar, uma das várias dinamizadas pela Marta Brandão, também se associou ao evento. Vimos coisas muito interessantes ...

Junto à Casa das Pedras Parideiras, a passagem de um belo exemplar da Raça Arouquesa, mais um dos muitos patrimónios locais ...

Pormenor duma parede e daquilo que já foi um portal ...

Por entre a árvore que se está a despedir do inverno, o mais recente ícone do Arouca Geoparque. A torre do Radar Meteorológico de Arouca, propriedade do Instituto Português do Mar e da Atmosfera. Portugal, meteorológicamente falando, está mais rico e seguro.
Um exemplo da identificação dos geossítios do Arouca Geoparque. Informação simples, mas eficaz.

No afloramento das Pedras Parideiras, uma fotografia que reuniu quase todas as mulheres do segundo grupo de visitantes. Reza a tradição, que esta rocha é eficaz ...

No décimo andar da torre do Radar Meteorológico de Arouca, uma sala envidraçada em 360.º permite fazer a observação da paisagem ... fabuloso!


Ao nível do solo, mas a cerca de 1100 metros de altitude, o céu limpo e o nevoeiro sucediam-se ... imagens incríveis.

Sem comentários: